curiosidades

Pequenos, fofinhos e com cara de filhotes para sempre, muita polêmica gira em torno desses exóticos gatinhos.

Na verdade, o que diferencia os gatinhos Muncckins dos demais, é o fato de terem as patinhas até 3 vezes menores do que o normal. Muitos chegam a identificá-los como o “Basset dos gatos”. munckin-2

Descendentes dos gatos sem raça definida (SRD) ou vira-latas, como são vulgarmente conhecidos, são encontrados com muitas variações de pelagem e cor. Não existe um padrão.

Grandes discussões têm sido geradas em torno de poder ser considerada raça ou não ou de ser uma anomalia ou não. Estudos sobre a saúde e a genética dos gatinhos ainda estão andamento. A World Cat Federantion (WCF) não considera como raça.

Algumas pessoas que não consideram raça, chegam a afirmar que os gatos parecem mutilados, e que que não tem a graça e a agilidade de um gato normal que pula, sobe em cadeiras e camas.

munchkin-3Já os defensores e criadores dos gatinhos, nos EUA, alegam que eles não são aleijados e que pulam, brincam e escalam como os outros gatos. Alegam que a “raça” seria resultado de uma mutação espontânea no código genético felino que introduziu um gene similar àquele que produz cães Dachshunds, Basset Hounds e Corgis. O termo Munchkin, em inglês, significa pessoa muito pequena ou criança.

Existem registros de gatos de patas curtas, na segunda guerra mundial, na Alemanha, Rússia e Grã-Bretanha.  

Suas patas com menos da metade do comprimento da maioria das raças é uma das características que conferem a aparência de eternos filhotes aos Munchkins.

As pessoas que possuem ou os criadores dos Munckins definem os gatinhos como tendo uma personalidade dócil, semelhante à de filhotes e que eles mantêm esse jeito por toda sua vida. munchkin-4

É comum vê-los apoiando sobre as patas traseiras, com as dianteiras recolhidas, de forma semelhante a um coelho, um hamster ou mesmo um canguru, característica que o tornou conhecido como “gato canguru de Estalingrado” (Stalingrad kangaroo cat).

Independente das discussões sobre anomalia ou raça, eles são realmente lindinhos. E que os estudos continuem sendo feitos para que de modo algum o animal seja prejudicado.

 

Prevenção é tudo, quem ama cuida e protege!

(Fotos: Internet)

 

Medica Veterinaria Dani Raro     Danielle Raro – Médica veterinária

 

 

Novembro 18, 2016

Já ouviu falar dos gatos Munchkin?

Pequenos, fofinhos e com cara de filhotes para sempre, muita polêmica gira em torno desses exóticos gatinhos. Na verdade, o que diferencia os gatinhos Muncckins dos […]
Novembro 1, 2016

Cuide da velhice do seu cão!

Assim como os humanos, os cachorros precisam de atenção especial ao envelhecer  e, claro, de muito amor! Enquanto uma criança aos sete anos está no auge da infância, […]
Outubro 28, 2016

Cobra-de-vidro: parece, mas não é!

Muita gente já viu um animalzinho pequeno, sem patas e brilhante próximo a áreas de grama, a chamada cobra-de-vidro. E normalmente pela sua aparência e pelo […]
Outubro 14, 2016

Peixe-boi é peixe ou é boi?

Não, peixe-boi não é peixe. É um mamífero aquático da ordem Sirenia. Mas além de ser mamífero, ele também não tem nenhum parentesco com o boi. […]