Síndrome metabólica felina, saiba um pouco mais!

Suçuarana, saiba um pouco mais sobre esse grande felino!
Dezembro 2, 2016
Hipertensão arterial, doença silenciosa para os pets
Dezembro 6, 2016

Síndrome metabólica felina, saiba um pouco mais!

É comum muitas pessoas acharem que um gatinho gordinho é sinônimo de saúde, de estar se alimentando bem. Pois é, essa é uma visão bem distorcida de saúde.

A obesidade é uma doença nutricional que vem cada vez mais afetando os gatos, sendo o ponto de partida, na maioria das vezes, para a Síndrome Metabólica Felina. A obesidade conduz a uma série de alterações no organismo do animal. Dentre essas alterações podemos citar a dislipidemia que pode levar a alterações cardiovasculares e hipertensão. A partir daí várias outras alterações secundárias podem ser desencadeadas como lesão renal, retinopatias, alterações no sistema nervoso, resistência a insulina que pode evoluir para uma diabetes mellitus tipo 2. 

Pois bem, então já percebemos que ter um gatinho obeso, acima do peso, gordinho não é nada bom para ele e nem para os proprietários que terão que lidar com as doenças secundárias do seu peludo, mais tarde. gato-gordo-balanca

E o que fazer?

Se seu gatinho está acima do peso, procure um médico veterinário e converse com ele sobre qual seria o peso ideal do seu gatinho e o que fazer para ajudá-lo a emagrecer.

Existem rações que são especificas para fazer seu gato perder peso. Corte os petiscos calóricos, evite dar comidas não recomendadas ao animal.

Outra providência muito importante é fazer seu gato se exercitar. Procure brinquedos que despertem a curiosidade dele, brinquedos que façam você interagir com seu peludo. Você pode fazê-lo brincar e gastar energia, até na hora de comer, usando bolinhas que armazenam ração ou até usando a imaginação e criando um brinquedo com uma garrafa pet de 300 ou 600 ml, com alguns furos, para fazer a ração sair.

gato-gordo-brinquedo    gato-gordo-brinquedo-2    gato-gordo-brinquedo-garrafa

Coloque prateleiras nas paredes do ambiente que o gato fica. Faça ele pular, se movimentar.

Leve o seu gato ao médico veterinário para fazer exames de rotina. Existem vários suplementos no mercado pet, que ajudam muito ao seu gato a perder peso, e o veterinário do seu peludo pode prescrever.

Não espere que a obesidade complique a saúde do seu gato.

 

Como sempre digo: prevenção é tudo, quem ama cuida e protege!

(Fotos/Imagens: Internet)

 

 

                                  Medica Veterinaria Dani RaroDanielle Raro – Médica veterinária

 

 

 

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *